você está lendo Tag: 15 coisas legais que aconteceram em 2015

Dezembro deixa todo mundo meio nostálgico. Ainda estamos no meio do mês, mas as retrospectivas de 2015 já começaram a aparecer nas minhas redes sociais. Nem sempre as coisas acontecem como a gente quer, mas acredito muito que o mais importante é focar nas coisas boas. Reclamar é fácil e gera engajamento, mas o que precisamos agora é de energia positiva pra começar o próximo ano da melhor maneira possível.

Pensando nisso, decidi criar uma TAG pra quem também tem blog ou canal no Youtube. A ideia é que criemos uma espécie corrente do bem. Para participar é só montar uma listinha com 15 coisas legais que aconteceram na sua vida em 2015, indicar outras pessoas e compartilhar tudo nas redes sociais. Curtiu? Vou começar a brincadeira por aqui.

1. Fiz novos e bons amigos

Sabe o que realmente nos muda? Conhecer pessoas novas. Você pode cortar o cabelo, trocar a foto do perfil no Facebook ou mudar de endereço. Nada disso te transforma tanto quanto horas de conversa com alguém que enxerga o mundo de um outro jeito. É sempre mais cômodo se relacionar com alguém que pensa igual a gente, mas faz bem pra alma conviver ideias diferentes.

2. Conheci um cara muito especial

Na verdade a melhor coisa que me aconteceu não foi bem uma coisa. Foi uma pessoa. Um cara que me deu as mãos numa época turbulenta e me mostrou o quão legal é poder compartilhar as conquistas e os medos com alguém. O louco é que nos conhecemos de verdade há menos de um ano, mas às vezes tenho a sensação de que sempre fomos melhores amigos.

3. A família Vieira aumentou mais um pouquinho

Meus dias em São Paulo ficaram mais leves e alegres desde que a Berry chegou. Sentia muita falta de ter um animal de estimação sempre comigo e como a Amélie e a Zooey ficam em Atibaia com meus pais, decidi dar espaço pra mais uma cadelinha na minha vida.

4. Comecei a cuidar mais de mim

Passei tanto tempo me preocupando com tudo que acontecia à minha volta que esqueci do principal: cuidar de mim. Esse ano, comecei a fazer drenagem linfática, treinar com um personal, ter dias mais tranquilos entre um trabalho e outro, fazer exames com mais frequência e me alimentar melhor.

5. Publiquei três novos livros

Virei personagem de história em quadrinho com traços da Lu Cafaggi, escrevi um livro com Thalita Rebouças, Paula Pimenta e Babi Dewet e, pra completar, lancei um projeto com a Capricho pra celebrar os anos assinando a última página da revista. Tudo isso no segundo semestre. Foi uma correria louca e agora que passou eu me dei conta de que se fosse preciso faria tudo de novo.

6. Comecei a construir nossa casa

Não sei direito onde estava com a cabeça quando decidi que era uma boa ideia construir uma casa do zero. Minha teimosia me fez enfrentar um dos maiores desafios da vida adulta: lidar com uma obra. Os imprevistos se multiplicam a cada dia, mas tô com o pensamento positivo de que tudo vai dar certo e que muito em breve temos um lugarzinho oficial do Depois Dos Quinze.

7. Aprendi o significado da palavra feminismo

Ouvi a palavra feminismo pela primeira vez na aula de história do colégio. Li a página do livro, decorei o parágrafo e acertei a questão na prova. Ok. Esse ano, graças ao grupo Talk Olga e muitas mulheres incríveis que acompanho nas redes sociais, consegui entender a importância do movimento e como de alguma forma poderia ajudá-lo tendo alguma influência na internet. Falamos bastante sobre esse assunto aqui no blog e nas redes sociais. Tenho muito orgulho disso!

8. Descobri a importância de delegar tarefas 

É oficial: sou viciada no meu trabalho. Gosto muito de cada partezinha dele. Amo responder os emails, pensar em projetos diferentes, fazer novos posts, negociar com agências, assinar contratos, gravar vídeos, tirar fotos, escrever e fazer resenhas de livros, viajar para os lançamentos e conhecer vocês, experimentar produtos novos, atualizar as redes sociais, etc. O problema é que eu não consigo mais fazer tudo isso sozinha e não foi simples pra mim delegar certas tarefas. Tenho me concentrado mais na parte criativa e deixado toda a burocracia para outras pessoas. Isso facilitou muito.

9. Viajei para lugares incríveis

Em 2015 tive a oportunidade de explorar lugares novos e matar a saudade de outros. Fiquei duas semanas em Palo Alto na Califórnia, fui pra Los Angeles assistir ao show da Taylor Swift e entrevistar os atores do filme Descendants, finalmente conheci o Maranhão, passei um dia em São João Del Rei, participei da Bienal de Alagoas pela primeira vez, fiquei num hotel muito legal lá em Araxá, passei meu aniversário em New York, conheci cada cantinho do Rio de Janeiro, descansei por um final de semana em Campos do Jordão e fiz um mochilão pela Inglaterra com uma leitora do blog.

10. Descobri novos pratos deliciosos

O legal de viajar é que você acaba experimentando um pouquinho da culinária de outros lugares. Esse ano comi pela primeira vez um prato chamado Guarnição à Francesa e amei muito! Também provei berinjela à parmegiana, camarão empanado no coco ralado, torta crocante de doce de leite e gelato de crème brûlée.

11. Participei de uma série do Disney Channel

Foi uma participação especial num episódio só, mas agora já posso respirar fundo e dizer que fui atriz por um dia (hahaha). Quem me segue no Snapchat acompanhou meu nervosismo na hora de decorar as falas, mas no final deu tudo certo e logo vocês vão me assistir na TV.

12. Passei o Halloween em outro país 

Sempre tive vontade de passar o dia 31 de outubro num país onde o Halloween realmente é celebrado. Sabe aquela coisa de filme? Doces ou travessuras, fantasias, balas diferentonas, etc. Isso aconteceu esse ano e foi muito divertido. Participei de festas em fraternidade, me vesti de She-ha e fiz maquiagem com sangue falso.

13. Participei da Casa dos Youtubers

Meu negócio não é (ou não era) vídeo, mas nos últimos dois anos tenho me aventurado com mais frequência lá no Youtube. Ainda quero melhorar muito o conteúdo que posto por lá, mas fiquei muito feliz e orgulhosa em ser uma das convidadas para a Casa Dos Youtubers. Um projeto muito legal que a Camila Coutinho criou em parceria com a MAC Cosmetics.

14. Assisti a todas as temporadas de House em poucas semanas

Quem me apresentou House foi o Pedro. Assistimos a um episódio despretensiosamente no fim de semana e, no dia seguinte, eu já sabia: minha vida social estava correndo perigo. Foram horas na frente da televisão, muitos pacotes de pipoca e algumas lágrimas no final da última temporada. Poucas séries me deixaram tão envolvida quanto essa. Acho que vou sentir falta dos personagens pra sempre.

15. Conheci a música “Oceans”, da banda Hillsong United

Amo muito conhecer novas bandas e faço isso o tempo todo lá no Spotify, mas com Hillsong foi especial. “Oceans” tocou milhares de vezes no meu celular esse ano porque, de alguma forma, a melodia dessa música mexeu comigo. Ela me acalma e me dá esperanças pra continuar tentando. É mágico e eu nem sei explicar direito. Se vocês nunca ouviram, apenas escutem!

Meu desafio vai para: Tchulim, Suelen Lima, XugarVivian DonatelliRayza Nicácio e todos os leitores do Depois Dos Quinze.

Foi uma delícia elaborar e escrever esse post. Tô ansiosa pra saber as coisas boas que aconteceram aí do outro lado da tela. Não esqueçam de deixar o link do post de vocês aqui nos comentários! :)