visualizando 8 posts encontrados na tag #terminos

Um amor guardado para depois

Eu não tinha dúvida alguma de que aquela era a pessoa certa para mim. 

Tudo indicava isso. A nossa compatibilidade era incrível: não havia revistinha astrológica que indicasse uma combinação de signos que se desse tão bem. Desde o começo foi assim, como se••• Continue Lendo

A gente se encontra

Ele disse: “Um dia a gente ainda vai se encontrar… Lá na frente.”

E então eles seguiram por caminhos distintos. Ele foi para lá, ela para cá. Nenhuma destas rotas incluía pontos em comum e eles sabiam que seria desse jeito – irremediavelmente.

As festas••• Continue Lendo

Tem amor que não precisa ser para a vida inteira

Não é fácil. É que a gente compra histórias, filmes e enredos mil que dizem que “o contrário” é o certo – e o nosso coração assiste a tudo quietinho, torcendo para que seja verdade. Estou falando sobre o tal “e viveram felizes para sempre”.

Sabe, tem••• Continue Lendo

Quando o amor não acaba, mas termina

Muito estranho. Complicado escrever um texto como pessoa solteira depois de tanto tempo tendo a certeza de que, após desligar o computador, teria uma mensagem de prontidão piscando no meu celular, perguntando sobre mim.

Ela não estará lá. Essa é uma das partes mais complicadas agora: não••• Continue Lendo

A gente estava perto de dar certo

É meio louco existir um texto sobre a nossa história – já que ela foi relativamente curta. Não que tenha sido coisa de um dia ou outro, porque isso também não foi, mas, perto de muitas outras, nós jamais sonharíamos que ela chegaria••• Continue Lendo

Eu nunca mais vou amar alguém?

Amo muitas coisas.

A minha família, meus amigos, meus livros… Mas, no sentido romântico da coisa, venho achando que nunca mais amarei alguém. 

Não é como se eu nunca tivesse amado – o problema é justamente esse, porque já amei muitas vezes e, no final das••• Continue Lendo

Tomei distância de você

No começo de tudo, eu queria estar mais perto – bem junto, você sabe.

Mas me peguei indo no sentido contrário, para uma via totalmente oposta, em que não houvesse sinal da sua sombra. Sem sua presença, suas lembranças ou qualquer coisa que tenha a••• Continue Lendo

O começo do fim!

Tudo começou com um breve silêncio. Nós não precisávamos de palavras para saber que alguma coisa crescia naquele espaço entre mim e você. Estávamos próximos, mas nossos olhares se divergiam e denunciavam o quão distante realmente estávamos. Você dizia que estava tudo bem, e eu continuava perguntando com••• Continue Lendo