visualizando 146 posts encontrados na tag #cronica

Eu jamais entraria na transição capilar

Cabelo enrolado. Irmã de cabelo liso. Eu escovava o meu para ficar igual ao dela e ele respondia da forma oposta: armava. Uma infância de cabelo preso. Na pré-adolescência, a euforia de quem ganhou a primeira chapinha. E assim seguimos, a chapinha e••• Continue Lendo

O tempo passa mais rápido quando você rola o feed do Instagram para baixo

Esqueci o celular em casa.

Tá. Ok. Uma hora a recepcionista me chamaria. Mas como é que eu passaria aqueles minutos intermináveis da sala de espera sem o meu celular? Olhei para os lados… e nada, nem uma revista pra contar história. Se ao menos••• Continue Lendo

Felicidade não é o tema: estar em paz é bom também

Estava na livraria. Quando entro neste tipo de loja, até me esqueço de que estamos ali para comprar. Grande parque de diversões este, né? Confesso que nunca passei muito tempo numa delas lendo um livro da minha escolha sem precisar comprar, já que,••• Continue Lendo

O dia é das garotas (e o mundo também)

Aos nove anos, um dos meus passatempos favoritos era assistir a As Meninas Superpoderosas na televisão. Se me perguntassem naquela época, eu não saberia exatamente o motivo principal, já que não parava muito para pensar a respeito. Talvez indicasse as fofas personagens, a história,••• Continue Lendo

O melhor exercício que fiz para definir o meu corpo


Nunca fui gorda, mas também nunca fui magra. Durante toda a minha vida eu estive no limbo das pessoas que não tinham o direito de reclamar do próprio peso, mas viviam inseguranças com a ideia de usar biquíni na frente dos outros.••• Continue Lendo

A importância de estar entre mulheres

Cresci dizendo com orgulho que boa parte dos meus amigos sempre foram do sexo masculino. Contrariando todos os filmes e séries que assisti e amava na minha adolescência, durante o ensino médio me tornei a garota da sala que andava com os garotos.

Era natural••• Continue Lendo

Sumida

Passei um tempo sumida. Não foi nada com você, eu juro. Eu queria que tivesse sido, porque aí eu teria um bom motivo para não ter estado aqui todo esse tempo, mas eu não tenho. Eu sumi porque precisava de um tempo distante.••• Continue Lendo

Quando a raiva quer dizer paixão

Imagine que, na foto acima, o cara é o protagonista deste texto. Mas, neste caso, ele está com outra garota que não, não sou eu. Deste ângulo, eu estaria como quem fotografou a imagem: de longe, olhando e achando tudo isso uma tremenda besteira.••• Continue Lendo

Medo de gente grande

Tem dias que eu queria ainda não ter crescido. Dias, como hoje, que a ingenuidade de acreditar que o mundo acaba logo ali depois da esquina me fez falta. Queria, mesmo que por um breve instante, sentir novamente o gosto de ser café-com-leite. Poder ter medo••• Continue Lendo