5 caras que você ainda vai conhecer

caras-que-voce-vai-conhecer

01. Ter um relacionamento com o típico cara errado é como ir à montanha russa. Ele é mais velho, dificilmente participa do seu grupo de amigos e nunca escreve o seu nome nas mensagens românticas que posta nas redes sociais (ou subnick, se ainda usar msn). Você o conheceu por acaso em uma festa. Era para ser só mais uma ficada de final de semana, mas o jeito que todos te encararam quando descobriram o novo affair, deixou tudo um pouco mais interessante. Para suas amigas você não admite que está perdidamente apaixonada. Diz que é só um rolo. Para ele, tenta a cada conversa, aparentar ser diferente de todas as outras garotas. Fala dos seus dotes com o violão, daquela música que você só sabe cantar porque o seu irmão escuta e até arrisca escrever um texto de amor. Tudo parece estar indo bem, até que as histórias mal contadas entram em jogo. Fotos de churrascos em finais de semana que ele disse que ficaria em casa jogando. Mensagens carinhosas de garotas que ele considera como irmãs. Esquecimentos e atrasos se tornam rotina e suas melhores amigas avisam que é hora de pular fora. Quanto mais dizem que ele não é o cara certo, mais você acredita que conseguirá provar o contrário e transformá-lo no príncipe encanado. São só fases e depois de uns cinco caras assim você vai ter certeza disso. O problema é que montanha russa geralmente é o brinquedo mais emocionante do parque de diversões. O que quer dizer que sempre existirá uma fila enorme. Ou seja, sua vez acaba mais cedo ou mais tarde.

02. Ele é bem mais velho que você. Por isso, obviamente, tem muito mais referências de vida. Mais livros, mais filmes, mais viagens, mais histórias para contar em uma roda de amigos. Isso é que o mais te encanta nele e ao mesmo tempo, o que mais te assusta. A insegurança começa no exato momento em que você se pergunta o porque daquele relacionamento, se existem milhares de garotas “tão mais a cara dele” por aí. No reflexo do espelho não é mais você. É a garota que ele se apaixonaria. Seu tempo livre deixa de ser seu. Agora você precisa fazer coisas que ele gosta e isso te deixa exausta toda noite. Cobranças começam a surgir. Encontros em horários em que você deveria estar estudando para a prova de matemática, viagens que os seus pais jamais te deixariam fazer, por fim, o fim. Proclamado por ele, ou talvez, por você. Não pense que tudo isso foi perda de tempo. Uma experiência dessa muda completamente o jeito que você irá se impor nos próximos relacionamentos.

03. Dizem que em cada casal um dos dois guia o relacionamento na maior parte do tempo. Geralmente é quem já teve mais experiências amorosas ou tem uma personalidade forte. Então, em algum momento da sua vida, essa pessoa será você. Seja porque ele é mais novo ou você está em um momento específico da sua vida. Sendo assim, vamos que agora ele é mais novo e está perdidamente apaixonado por você. O que mais te encanta nessa história é a admiração que transparece a cada palavra dita. “Nós aceitamos o amor que achamos que merecemos”. E você finalmente merece ser feliz. Acredita nisso e por esse motivo, faz de tudo para que o desfecho da história seja no mínimo um final feliz. O problema nesse caso é que geralmente ele é imaturo em pontos que são importantes para você. Esse amadurecimento pode acontecer durante o relacionamento, ou em alguns casos, infelizmente, depois dele. Talvez também essa imaturidade tenha a ver com a personalidade do cara. Aí minha amiga, achar que ele deve mudar completamente quem é para se adequar ao seu estilo de vida, te transforma na garota errada.

04.Existe sempre aquele cara que vai aparecer depois de um grande amor ainda não superado totalmente. Ele é fofo, suas amigas dizem que é o homem da sua vida, mas nada disso o transforma no cara que faz o seu coração acelerar instantaneamente. No máximo, alguém que o acalma toda noite e faz cafuné nos seus fios de cabelo bagunçados enquanto você dorme. Ele vai te olhar por horas depois disso. Relacionamentos que começam quando outros ainda não terminaram, normalmente, acabam mal. A sinceridade é algo tão importante quanto o próprio sentimento. Ouvir um eu te amo e perceber que aquele sentimento também existe dentro de você, mas é por outra pessoa, machuca é pesa na alma. Isso não quer dizer que você não pode se envolver com ninguém enquanto estiver se recuperando do último relacionamento, mas mostra o quanto é importante falar sempre a verdade. Sem esse muro que a culpa cria, fica muito mais fácil descobrir que o ele pode de te fazer tão feliz quanto o outro.

05.Poucas garotas tem a sorte de ter um melhor amigo de verdade do sexo masculino. Normalmente, garotos da nossa idade com essa sensibilidade e maturidade, não se interessam pelo tipo de relacionamento que esperamos. O melhor amigo homem e hetero é bem parecido com aquele estereótipo de protagonista de filme (comédia romântica). Vive suas histórias rápidas, se apaixona pela garota errada (geralmente sua outra melhor amiga que não da a mínima), faz tudo certo na hora errada e vem pedir conselhos adivinhem para quem? Isso mesmo. Você. Dizer tantas vezes que alguém legal vai aparecer acaba fazendo com que você se torne essa pessoa. Ou pense ser. Até aí tudo perfeito. Ele te conhece como ninguém, seus pais o adoram e na rua, todos já achavam que vocês eram um casal. Nenhuma novidade.  O problema começa a surgir quando um ou o outro, pensa que mudar o status para namorando é algo que vai transformar o mundo. Nada disso. Na verdade, a cumplicidade, o carinho e o respeito devem continuar exatamente do mesmo jeito. É mais complicado que parece, mas o sentimento de posse pode estragar tudo. Não é porque você conhece alguém especial, faz essa pessoa feliz e está um relacionamento, que você se torna dono dela. A lição que fica dessa história é que nem sempre ter razão é a coisa mais importante.

Agora é a vez de vocês! Acham que esqueci de algum? Então comentem, em um parágrafo, suas descrições do(s) cara(s) que vocês acham que todo mundo ainda vai conhecer.

72+ comentários